Alemanha diz que reconhecimento facial do Facebook é uma violação à privacidade

A Agência de Proteção de Dados (APD), de Hamburgo, enviou uma carta ao Facebook pedindo para que o reconhecimento facial automático do site peça a autorização do usuário antes de marcar uma foto automaticamente. Para a agência, o sistema viola as leis de privacidade da União Europeia.

Talvez você nem tenha notado, mas o sistema de marcação automática de fotos trabalha com base no reconhecimento da similaridade das imagens já marcadas. Assim, quando você envia uma foto para um álbum, ele sugere quais pessoas marcar.

O Facebook disponibiliza uma maneira de se desligar o recurso: para isso, o usuário deve clicar em “Configurações de Privacidade”, “Personalizar Configurações” e desmarcar a opção “Sugerir fotos minhas a amigos”. A APD, por sua vez, diz que o processo não é claro.

Após a notificação, o Facebook disse que vai “considerar os argumentos da agência”, mas que está “cumprindo todas as obrigações dentro das leis de proteção aos dados da União Europeia”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: